quinta-feira, 18 de julho de 2024
Empresas goianas tornam-se franqueadoras

Empresas goianas tornam-se franqueadoras

  Júlio César Canedo trabalha no ramo de farmácia desde 1982, sendo os últimos 26 anos como proprietário (em sociedade). Viu o pequeno negócio crescer, aprendeu com os muitos erros ao longo da trajetória e hoje sua marca, Medfácil, tem sete lojas, quatro em Goiânia e três em Aparecida de Goiânia. Hdir Gondim fundou a […]

15 de junho de 2018

Júlio César Canedo, da MedFácil, avalia que existem boas oportunidades no setor de farmácias , tanto para o franqueador como para o franqueado

 

Júlio César Canedo trabalha no ramo de farmácia desde 1982, sendo os últimos 26 anos como proprietário (em sociedade). Viu o pequeno negócio crescer, aprendeu com os muitos erros ao longo da trajetória e hoje sua marca, Medfácil, tem sete lojas, quatro em Goiânia e três em Aparecida de Goiânia. Hdir Gondim fundou a HD Tecnologia em Informação em 1º de março de 1994. Nesses 24 anos, consolidou o negócio, junto com os sócios, com o lema “Colaborar para o sucesso do cliente com soluções simples, atendendo com alegria e gerando bons resultados”. A empresa está de mudança, de endereço e logomarca, mas o princípio continua o mesmo.

O que Canedo e Gondim têm em comum? Ambos estão aptos a se tornarem franqueadores. As Drogarias Medfácil,a HD Tecnologia da Informação Ltda. e a Doce Paladar Confeitaria receberam do Sebrae Goiás, nesta quinta-feira (14), suas Circulares de Oferta de Franquias, documentos que demonstram que seus empreendimentos estão aptos a serem franqueadores e expandirem sua atuação no mercado. As três empresas participaram da primeira turma do Programa Goiás Mais Franquia, lançado em 2017 pelo Sebrae com o objetivo de fomentar o setor de franchising em Goiás e estruturar empresas com potencial de crescimento. A entrega dos certificados foi o coroamento de oito meses de preparação voltada para o mercado de franquias e desafios nesse tipo de empreendimento.

Em entrevista do EMPREENDER EM GOIÁS, Júlio César Canedo avaliou que existem boas oportunidades nesse nicho de mercado, tanto para o franqueador como para o franqueado. Ele reconhece que, à primeira vista, pode parecer que o grande inimigo do pequeno negócio são as grandes redes de farmácia, que se expandiram por todo o País – em Goiás, inclusive.

Mas contesta esse senso comum. “O problema é de gestão”, resume. “Muitas vezes, o empresário não entende nada de gestão, do custo de cada loja, do ponto de equilíbrio. Quer concorrer com os grandes, mas não tem domínio da própria situação de seu negócio”, compara.

Desde 2015, Canedo integra a União de Farmácias Brasileiras (Unifabra), que congrega 12 empresas proprietárias de mais de 270 lojas no Brasil. O grupo é gerido pela Service Farma. Juntas, as farmácias negociam diretamente com os fornecedores e conseguem adquirir medicamentos e insumos com preços e condições melhores e facilitados. Essa é a vantagem que agora o empresário quer passar para seus futuros franqueados. “Eles pagarão uma taxa mensal, que será compensada com produtos a preços melhores, entre outras vantagens”, diz, citando o cartão de crédito com taxa baixa e até recargas para celular. “Há uma série de situações que agregam muito para o futuro franqueado, porque não basta vender, é preciso ter boa gestão.”

Fabiano Leão, Will Albuquerque e Hdir Gondim, da HD Tecnologia

Hdir Gondim pensa da mesma forma e quer ver multiplicado o lema de empresa, que – ele relata, com orgulho – está na boca de cada colaborador – são 21, no total. Ele assegura que o lema diz tudo sobre a atividade da HD, que é colaborar diariamente na gestão das empresas de forma inovadora com tecnologia simples (mas essencial). Ele contou ao EMPREENDER EM GOIÁS que a empresa estava preparando seu projeto para disseminar seu trabalho quando o Sebrae lançou o Programa Mais Franquia. “Decidimos expandir nosso modelo de negócio”, conta. A meta é ter duas franquias neste ano e três ou quatro em 2019. “Sobre 2020, vamos planejar depois”,explica Hdir. No próximo mês, a empresa mudará sua sede do Setor dos Funcionários para a Avenida C-8, no Setor Sudoeste. Também mudará a logomarca. “É uma nova empresa, pronta para o Século XXI, com o grande desafio que é gerar inovação nesse mercado”, afirma Hdir. “Nosso grande desafio é nos preparar para os próximos 24 anos.”

Continuidade

Com a conclusão da primeira turma e a certificação de franqueadores conquistada pelas empresas participantes, o programa Goiás Mais Franquias pretende continuar fomentando o sistema de franquias no Estado e estruturando empresas com potencial de crescimento para que se tornem franqueadores.

Com objetivo claro de disseminar o negócio de franquia na comunidade empresarial goiana e criar novas empresas de micro e pequenos portes, o Sebrae está preparado para iniciar novas turmas de empreendimentos que pretendem expandir o modelo de negócios.

O portal EMPREENDER EM GOIÁS tem como principal objetivo incentivar, apoiar e divulgar os empreendedores goianos com conteúdos, análises, pesquisas, serviços e oportunidades de negócios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.