quinta-feira, 7 de dezembro de 2023
Café Moinho Fino quer conquistar novos mercados

Café Moinho Fino quer conquistar novos mercados

“Somos amantes de café desde 1979. Café é nosso sangue, nossa inspiração, nosso combustível”. Esta é a primeira mensagem para quem acessa o site da Dicasa Alimentos, que produz o Café Moinho Fino. Resultado desta história de paixão pelo negócio é que  a Moinho Fino está entre as cinco marcas de café  mais vendidas da Região Centro-Oeste e […]

17 de julho de 2018

Roberto Viana: “Dos cerca de 4 mil quilos de café torrados e moídos mensalmente na década de 70, hoje processamos cerca de 400 toneladas por mês”

“Somos amantes de café desde 1979. Café é nosso sangue, nossa inspiração, nosso combustível”. Esta é a primeira mensagem para quem acessa o site da Dicasa Alimentos, que produz o Café Moinho Fino. Resultado desta história de paixão pelo negócio é que  a Moinho Fino está entre as cinco marcas de café  mais vendidas da Região Centro-Oeste e é líder de mercado na Região Metropolitana de Goiânia , conforme a empresa de pesquisas Nielsen.

Para alcançar este sucesso, está presente em mais de 9 mil pontos de  venda, entre supermercados, panificadoras e mercearias  de cem municípios goianos, localizados nas proximidades da capital e na Região Sul do Estado. Mas quer ir mais longe. Para 2019, conforme Carlos Roberto Viana, presidente da empresa,  a meta  da Dicasa Alimentos,  que também produz os cafés Carreiro e Dicasa,  é colocar os seus produtos no Distrito Federal e  implementar a participação no mercado de cápsulas e ampliar a de café expresso.

Para que as marcas de café da empresa cheguem ao consumidor, a empresa conta com  um parque industrial construído em uma área de 15 mil metros quadrados, no Polo Industrial de Aparecida de Goiânia, inaugurado em setembro de 2017,  no qual foram investidos aproximadamente R$ 30 milhões. Nele, estão instalados modernos equipamentos de torrefação, moagem e envasamento, todos automatizados, que proporcionam rigoroso controle de qualidade e mínimo de emissão de poluentes e resíduos industriais. Os padrões de torra, moagem e blend são definidos eletronicamente,  além de preocupação constante com a qualidade dos produtos.

Dos cerca de 4 mil quilos de  café torrados e moídos mensalmente na década de 70, hoje processa cerca de 400 toneladas  por mês. Emprega 150 pessoas, distribui seus produtos com  a utilização de frota própria, além de possuir um criterioso serviço de apresentação do produto – exposição, atendimento ao cliente, cafeteiras, degustação e pós-vendas.

Roberto Viana: “Além de reforçar nossa liderança na Região Metropolitana de Goiânia, vamos colocar nossos produtos no Distrito Federal”

Certificação

“Nós fazemos produtos saudáveis, com certificação de pureza emitida pela Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic)”, afirmou Carlos Roberto. De acordo com ele, a empresa utiliza boas práticas de fabricação e possui processos industriais bem determinados, além de preocupação com a qualidade, desde a matéria-prima até o produto final.

Os cuidados com ponto de torra e blendagem (combinação de grãos) também são constantes, tanto que a Dicasa Alimentos mantém laboratório de análise de qualidade coordenado por uma engenheira de alimentos. O café é adquirido em Minas Gerais e Espírito Santo.  “Nossa preocupação com a qualidade tem início na aquisição do café in natura e segue pelo processo de industrialização, distribuição e exposição dos nossos produtos nos pontos de venda”, afirma Roberto Viana.

A Moinho Fino é a marca principal da Dicasa Alimentos e possui os sabores tradicional, extraforte e Premium, além do solúvel, cappuccino e filtros.

Instalada no Polo Industrial de Aparecida de Goiânia, a Dicasa Alimentos distribui seus produtos com a utilização de frota própria

Desafios

“Ainda há muito que evoluir e nos preocupamos em criar uma cadeia de produção sustentável, que beneficie  todos os segmentos envolvidos, do produtor ao consumidor”, afirmou Roberto Viana, ao lembrar que tudo começou  em 1979, quando  comprou uma pequena indústria de torrefação em Pontalina, na Região Sul do Estado. O empresário aproveitou o gosto que nutria pelas vendas e os recursos provenientes da negociação de uma área às margens da GO-060 para adquirir parte do Café Dumario, que estava com as atividades paradas.

Um ano depois, as ações de Mário de Abreu foram adquiridas e nascia a Dicasa Alimentos.
A empresa, em seu processo de crescimento, deixou Pontalina e se instalou em Bela Vista, em 1982. Cinco anos mais tarde, transferiu-se para uma área no Jardim Nova Era, em Aparecida de Goiânia, onde ficou até a inauguração do atual parque industrial.  Roberto Viana também já está preparando as duas filhas, Carolina e Renata para a sucessão:  Carolina trabalha na área comercial, enquanto Renata, na administrativa.

O portal EMPREENDER EM GOIÁS tem como principal objetivo incentivar, apoiar e divulgar os empreendedores goianos com conteúdos, análises, pesquisas, serviços e oportunidades de negócios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.

2 thoughts on “Café Moinho Fino quer conquistar novos mercados”

  1. Joselia Montenegro disse:

    Eu mim chamo Joselia Montenegro e gostaria muito de ser promotora dos seus produtos aqui na paraiba.

  2. Kelly Cristina disse:

    Bom dia, tenho uma loja de frios e estava querendo colocar uma maquina de moer cafe na hora, queria mais informações, como adquirir a maquina e os valores dos graos, forma de pagamentos, fico aguardando muito obrigada.