quarta-feira, 28 de fevereiro de 2024
Gasolina: Goiás tem a quarta maior redução de preço

Gasolina: Goiás tem a quarta maior redução de preço

Em relação ao preço médio do litro do etanol, Goiás registrou na semana passada a terceira maior redução do País.

4 de julho de 2022

O preço médio do litro da gasolina comum caiu 5,35% em Goiás na semana passada, segundo levantamento divulgado pela Agência Nacional de Petróleo (ANP). Foi a quarta maior redução entre os 26 Estados e Distrito Federal, depois dos governos estaduais anunciarem a redução das alíquotas do ICMS sobre combustíveis, energia elétrica e telecomunicação.

As maiores quedas nos preços médios ocorreram no Paraná (7,6%), Distrito Federal (5,47%) e Santa Catarina (5,43%). Com a redução, o valor médio do litro foi para R$ 7,07 na semana passada em Goiás. Ainda assim, é o 9º maior valor médio do País, segundo levantamento da ANP.

O Amapá tinha na semana passada a gasolina mais barata do País, com um preço médio de R$ 6,21 por litro. A redução no Estado foi de 5,1%. Na Bahia é onde está o maior valor médio: R$ 7,92 o litro. A redução no preço do combustível foi de apenas 1,43%.

No geral, ao se comparar a semana de 26 de junho a 02 de julho com a de 19 a 25 de junho, a gasolina aditivada ficou 3,61% em média mais barata no Brasil. Seguida pela gasolina comum (-3,56%), etanol (-3,08%), GNV (-0,85%), diesel comum (-0,18%) e diesel S10 (-0,12%).

Redução no preço do etanol

Em relação ao preço médio do litro do etanol, Goiás registrou a terceira maior redução na semana passada, de 4,35%. As maiores foram registradas no Mato Grosso (6,25%), onde também se cobrava o menor valor médio (R$ 4,21), e Paraná (4,98%). O valor médio em Goiás era de R$ 4,61, o terceiro menor no País, segundo levantamento da ANP.

Já cinco Estados registraram aumentos nos preços médios do etanol na última semana, de 0,05% no Amapá a 5,53% em Roraima. Entre os 27 entes da federação, o Amapá apresenta o etanol mais caro, com preço médio de R$ 6,50 por litro.

O governo de Jair Bolsonaro prevê ainda novas reduções nos preços dos combustíveis. A expectativa é que chegue a 20% para os consumidores, com as novas medidas de desoneração em andamento no Congresso Nacional.

Leia também: Inflação: Goiânia tem o 4º menor aumento do País

O portal EMPREENDER EM GOIÁS tem como principal objetivo incentivar, apoiar e divulgar os empreendedores goianos com conteúdos, análises, pesquisas, serviços e oportunidades de negócios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.