quarta-feira, 28 de fevereiro de 2024
Cidades goianas terão índice de desenvolvimento

Cidades goianas terão índice de desenvolvimento

O IEL Goiás, em parceria com a FGM, lança o Índice pelo Futuro das Cidades (IFC) com uma avaliação abrangente da gestão nos municípios goianos.

6 de dezembro de 2023

“O IFC também pode ser utilizado por cidadãos, organizações da sociedade civil e outras instituições para acompanhar o desempenho da gestão municipal”, diz Sandra Márcia.

O Instituto Euvaldo Lodi (IEL Goiás), em parceria com a Federação Goiana de Municípios (FGM), lança o Índice pelo Futuro das Cidades (IFC). Durante o Encontro Anual de Gestores, a ser realizado nesta quarta e quinta-feiras (6 e 7 de dezembro), no Centro de Cultura e Convenções de Goiânia.

O IEL criou o IFC para fornecer uma avaliação abrangente da gestão municipal, que permita aos gestores públicos identificarem áreas de melhoria e tomar decisões mais assertivas. Trata-se de uma compilação de dados sobre sete eixos – saúde, educação, meio ambiente, socioeconômico, infraestrutura, governança e economia.

Eles vão fornecer informações fundamentais sobre o perfil das cidades goianas. Isso permitirá que os gestores públicos identifiquem as áreas de melhoria em seus municípios para tomarem decisões mais assertivas. A metodologia foi desenvolvida pelo IEL Goiás.

A meta é promover a construção de soluções inovadoras e eficazes para os desafios do próximo ano, além do aprimoramento da gestão pública goiana.

Premiação

Nesta quarta-feira (6/12), a gerente de Desenvolvimento Empresarial do IEL Goiás, Sandra Márcia Silva, apresentará o IFC no Centro de Cultura e Convenções de Goiânia. No evento, os gestores das três cidades com maior IFC de cada uma das dez regiões do estado serão premiados pelo destaque de sua capacidade de Gestão Pública, Saúde e Educação.

Também será instalado um painel disponibilizando dados dos indicadores utilizados no IFC. “O IFC também pode ser utilizado por cidadãos, organizações da sociedade civil e outras instituições para acompanhar o desempenho da gestão municipal”, acrescentou Sandra Márcia.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.