segunda-feira, 4 de março de 2024
Carros: veja as marcas premium que mais vendem em Goiás

Carros: veja as marcas premium que mais vendem em Goiás

As vendas de carros premium cresceram 12% no ano passado em Goiás e retomaram os patamares da pré-pandemia da Covid-19.

13 de fevereiro de 2024

As vendas de carros premium cresceram 12% em Goiás e retomaram os patamares da pré-pandemia da Covid-19. Segundo dados levantados pelo EMPREENDER EM GOIÁS, o ano passado somou 1.340 veículos de luxo vendidos no estado, ante 1.196 em 2022 e 1.339 em 2021.

Em 2023, 985 veículos premium foram vendidos em Goiânia, a 8º cidade no país com maior volume neste mercado, quando considerados os emplacamentos por municípios. Representou 2% das vendas totais deste segmento no país em 2023. O maior mercado é São Paulo (SP), com mais de 10 mil unidades vendidas no ano passado, 21% do mercado nacional.

Em Goiás, a BMW 320i liderou as vendas com 399 unidades. Com o reforço do BMW X1, que é produzido no Brasil e teve muita procura na concessionária da marca, do Grupo Saga. Com este desempenho, teve 30% de participação do mercado goiano.

A Porsche ficou em segundo lugar com a venda de 272 veículos, o que lhe garantiu 20% de participação de mercado goiano. Já Mercedes-Benz, com 15%, conquistou a terceira colocação. Em Goiás, no ano passado, não foi vendida nenhuma unidade da marca de carros elétricos Tesla e nem da Lexus (marca premium da Toyota).

A previsão de crescimento das vendas de veículos premium é de 10% para este ano. “Embora a queda da taxa de juros vai ajudar o setor, há o problema da tributação dos carros importados que já está vigorando. Isso vai elevar os preços”, diz Vladimir Freitas, diretor do Grupo Saga. A empresa trabalha com várias marcas de carros importados, dentre as quais a BWM.

Quem mais vendeu carros de luxo (Goiás-2023)

  1. BMW: 399 unidades (30%)
  2. Porsche: 272 unidades (20%)
  3. Mercedes-Benz: 197 unidades (15%)
  4. Volvo: 159 unidades (12%)
  5. Audi: 135 unidades (10%)
  6. Land Rover: 127 unidades (9%)
  7. Mini: 43 unidades (3%)
  8. Jaguar: 8 unidades (1%)

Leia também: Vendas de carros elétricos e híbridos batem recorde

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.