segunda-feira, 15 de abril de 2024
Franquias goianas têm o melhor resultado em 6 anos

Franquias goianas têm o melhor resultado em 6 anos

Faturamento do setor cresceu 25,7% e chegou a R$ 7,6 bilhões no ano passado em Goiás, com mais de 6 mil unidades em operação.

29 de fevereiro de 2024

Os destaques foram as franquias de casa e construção, serviços e outros negócios e comunicação, informática e eletrônicos.

O mercado de franquias em Goiás segue em expansão. O faturamento do setor atingiu R$ 7,6 bilhões em 2023. Isto representa um aumento de 25,7% em relação ao ano anterior, quando foi de R$ 6,1 bilhões. É o melhor resultado nos últimos 6 anos.

Já em número de unidades de franquias, o crescimento foi de 9,6%, chegando a 6.360 operações em 2023. As informações são da Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Os destaques foram os segmentos casa e construção, serviços e outros negócios e comunicação, informática e eletrônicos. Registraram os maiores índices de variação em expansão de operações no estado.

Tendo em vista a expansão do volume de unidades e de redes, o setor de franquias segue empregando diretamente mais pessoas. Em Goiás houve um crescimento de 14%, o que representa cerca de 55 mil empregos.

Segundo o diretor regional da ABF Centro Oeste, Mauro Hyde, o crescimento do setor é uma resposta no sentido de atender a uma demanda.

“Os números provam o que vemos no dia a dia do mercado de Goiás. Além do agro que impacta diretamente o segmento de serviços, temos um setor de casa e construção forte. Cidades como Goiânia se tornaram referência na oferta de imóveis de alto luxo e para a classe média alta, atraindo vários investidores. Nossa cultura empreendedora tem criado um ambiente propício para o florescimento desses negócios”, frisa o diretor.

Brasil

O franchising brasileiro também comemora resultados positivos alcançados no ano de 2023. Segundo dados da ABF, o mercado de franquias no país segue em expansão e crescimento. É responsável por movimentar mais de R$ 240 bilhões, o que representa acréscimo de 13,8% em seu faturamento de 2023, em relação a 2022.

Na região Centro-Oeste houve um crescimento no setor de franquias, com faturamento de mais de R$ 21 bilhões em 2023. Representa um aumento de 14% em relação ao ano anterior. Já em número de unidades de franquia na região o crescimento foi de 6,9%, chegando a mais de 18 mil operações.
Além da melhora do quadro macroeconômico (inflação menor, retomada do emprego e PIB positivo), a

ABF atribui este desempenho às melhores práticas e aprendizados aprimorados nos últimos anos. Tanto em relação a processos, como no relacionamento com consumidores e dentro da rede. E também ao avanço da digitalização em várias frentes (a realização de negócios totalmente online já faz parte do dia a dia das franquias), à omnicanalidade e à adoção de novos formatos, em um ambiente de atividades e hábitos presenciais (e híbridos) consolidado, com destaque para eventos e a retomada do turismo.

Com relação a geração de empregos, em 2023, de acordo com o balanço do franchising o número de trabalhadores diretos subiu para 1.701.726, crescimento de 7,1% em relação ao ano anterior. O levantamento também aponta que cada unidade de franquia gera, em média, nove empregos diretos.

Saiba mais: Goiânia é a 19ª em expansão de franquias

Wanderley de Faria é jornalista especializado em Economia e Negócios, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA/FEA/USP - BM&FBovespa

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.