terça-feira, 18 de junho de 2024
Sandro Mabel transfere comando da Fieg

Sandro Mabel transfere comando da Fieg

Nos últimos cinco anos a Federação das Indústrias do Estado de Goiás passou por uma transformação de gestão e de investimentos.

5 de junho de 2024

André Rocha, Ronaldo Caiado, Sandro Mabel e Daniel Vilela na cerimônia na Fieg

Nos últimos cinco anos, sob a presidência do empresário Sandro Mabel, a Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg) passou por uma transformação focada em educação, capacitação, eficiência e investimentos estratégicos. Também foram consolidados os interesses e a proteção do setor produtivo, abrangendo áreas chaves como a reforma tributária, políticas de incentivo fiscal relacionadas ao ICMS e o avanço estratégico no desenvolvimento de infraestrutura e logística no Estado de Goiás.

No período, no Sistema Fieg foram investidos R$ 1 bilhão na expansão e modernização da rede de unidades no Estado (escolas, institutos de tecnologia, complexos de lazer e turismo) destinadas a aprimorar e ampliar a capacitação profissional e a inovação tecnológica, tendo como foco a maior competitividade da indústria goiana.

Sandro Mabel se desincompatibilizou nesta quarta-feira (5/6) do cargo de presidente do Sistema Fieg para concorrer ao cargo de prefeito de Goiânia, no pleito de outubro próximo. Ele transferiu o comando da entidade ao empresário André Luiz Baptista Lins Rocha.

Ao fazer o balanço de sua atuação frente a entidade e do Sistema Fieg, Mabel disse que fez uma gestão empresarial na Fieg. Essa mesma postura, segundo ele, será adotada na Prefeitura de Goiânia, caso seja eleito.

Revolução

Sandro Mabel salientou que revolucionou a administração do Sistema Fieg, nos últimos cinco anos. Entre as medidas cruciais para o sucesso de sua gestão, conforme destacou, foi a revisão de contratos e o estabelecimento de novas prioridades que resultaram em mudanças na alocação de recursos.

“Reduzimos o custeio de quase 100% do orçamento da entidade para o patamar de 67%, enquanto o investimento triplicou, saindo de 11% para 33% do orçamento”, destacou.

Os resultados operacionais nas Escolas Sesi aumentaram 449%, chegando a R$ 80,226 milhões, e nas Escolas Senai subiram 604%, atingindo R$ 68,437 milhões. O Senai certificou mais de 440 mil profissionais contribuindo para a inserção no mercado de trabalho e, consequentemente, para o fortalecimento do setor industrial goiano.

Solenidade

A solenidade de transmissão de cargo de Mabel para André Rocha foi prestigiada pelo governador Ronaldo Caiado, pelo vice-governador Daniel Vilela, por dezenas de políticos e empresários. O evento ocorreu no auditório da Fieg, na Casa da Indústria.

O governador destacou a capacidade, a competência e a trajetória profissional de Sandro Mabel como gestor no setor industrial goiano e reafirmou que ele tem o perfil para administrar Goiânia, que necessita de um gestor.

Daniel Vilela afirmou que “Sandro reúne as melhores qualidades, capacidade de gestão e outras características fundamentais para, como prefeito, fazer Goiânia voltar a ser uma cidade inovadora e inteligente”.

André Rocha reconheceu ser um grande desafio ocupar a presidência do Sistema Fieg e da Fieg. Garantiu que dará continuidade aos projetos de Sandro Mabel, sobretudo na articulação com as demais entidades de classe, com os empresários e o setor público.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.

Últimas Publicações Últimas Publicações