quinta-feira, 18 de julho de 2024
Geração de empregos sofre queda no Brasil

Geração de empregos sofre queda no Brasil

O Brasil criou 131,8 mil empregos com carteira assinada em maio, queda de 15,3% frente a igual mês de 2023.

28 de junho de 2024

O Brasil criou 131,8 mil empregos com carteira assinada em maio, queda de 15,3% frente a igual mês de 2023, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O resultado também veio abaixo da expectativa dos analistas, que previam 200 mil novos postos de trabalho.

No ano, o saldo é de 1,09 milhão de empregos formais criados, alta de 2,39%. No total, 46,6 milhões de pessoas trabalham formalmente nos setores público e privado, alta de 0,28% em relação ao estoque de maio de 2023.

Indústrias

A indústria brasileira tinha, em 2022, 745 mil postos de trabalho a menos do que em 2013. Segundo dados da Pesquisa Industrial Anual (PIA) Empresa 2022, a queda na taxa de ocupação do setor em dez anos foi de 8,3%.

O declínio contrasta com o avanço no número de empresas do setor: de 335 mil em 2013 para 346 mil em 2022.

Segundo a gerente de Análise Estrutural do IBGE, Synthia Santana, a pesquisa aponta para uma mudança estrutural que pode indicar novos métodos de produção com estruturas mais enxutas.

O portal EMPREENDER EM GOIÁS tem como principal objetivo incentivar, apoiar e divulgar os empreendedores goianos com conteúdos, análises, pesquisas, serviços e oportunidades de negócios.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.