quarta-feira, 28 de fevereiro de 2024
Empresária supera dívida e quintuplica fábrica de peças

Empresária supera dívida e quintuplica fábrica de peças

Em cinco anos, empresária goiana sai de uma dívida de R$ 500 mil para ter fábrica que produz 200 mil peças automotivas por mês.

3 de outubro de 2023

Elisângela conta que a JJ Borrachas fará investimento de R$ 300 mil para aumentar produção

A empresária goiana Elisângela Sheila Colodino conhece como poucos o significado das palavras desafio e superação. Em cinco anos, conseguiu sair de uma situação de dívida de aproximadamente R$ 500 mil, decorrente de uma sociedade que não deu certo, para ter uma fábrica que produz 200 mil peças automotivas por mês. Trata-se da JJ Borrachas, instalada em Abadia de Goiás, num parque industrial de 10 mil metros quadrados.

Em entrevista ao EMPREENDER EM GOIÁS (EG), a empreendedora anunciou novos investimentos, no valor aproximado de R$ 300 mil, que serão feitos entre o final deste ano e o início de 2024. Conforme informou, a expectativa é de um aumento de 25% a 30% na produção. Por analogia, o número de colaboradores também deve aumentar entre 15% e 20%. Atualmente, a empresa conta com 23 funcionários e um novo grupo está passando por treinamento. Do qual Elisângela participa em todas as etapas.

Em 2017, depois de trabalhar prestando serviços para empresas de pneus produzidos a partir de resíduos, ela comprou parte de uma sociedade. Mas não teve êxito. No final daquele ano, tinha uma dívida de aproximadamente R$ 500 mil. “Eu não tinha alternativa a não ser levantar a cabeça e continuar andando”, conta. A empresária visitou alguns clientes e voltou a produzir as peças de borracha para carros. “Em 2018, as coisas começaram a dar resultados”, conta.

Meio do mato

Prestes a perder o terreno que havia ganhado em Abadia por não ter conseguido construir a fábrica, ganhou o projeto de um amigo engenheiro. Com outro, conseguiu o crédito para iniciar a obra. “Quando vim para cá, não havia ninguém, ficava no meio do mato”, relata.

Elisângela ficava no local todos os dias, das 4 às 22 horas. Quando instalou a fábrica, parte do galpão não estava coberta. “Montamos as máquinas, acreditando. A cada dia a dívida estava menor e o investimento, maior”, diz. Conseguiu pagar todas as dívidas no prazo certo.

“Saldei tudo, negociei os impostos e começamos a crescer, com muito trabalho”, resume Elisângela. Quando veio a pandemia, a empresária conseguiu fazer estoque e atender os clientes. Hoje, a empresa trabalha com 700 tipos de peças automotivas na linha de fixação, que fica embaixo dos carros. São buchas estabilizadoras, de amortecedores, coxinho de cabines, patentes para levantar o carro, todas de forma sustentável.

“Eu recolho borrachas usadas, que passam por um processo de usinagem e as peças são feitas desse material sustentável”, conta. O faturamento mensal, que no início era em torno de R$ 50 mil, quintuplicou. Hoje, a JJ vende para grandes distribuidores nacionais.

Prêmio

Elisângela Colodino foi selecionadas, junto com outras as empreendedoras goianas, para a etapa regional do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, a ser realizada em outubro. Ela foi a vencedora na categoria Pequenos Negócios. Elas vão concorrer com as representantes dos estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e do Distrito Federal.

Leia também: Startup goiana cria o ‘Airbnb’ dos carros

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.

2 thoughts on “Empresária supera dívida e quintuplica fábrica de peças”

  1. Valtuir Alves de Oliveira disse:

    Isso significa persistência, acreditar no empreendimento, ter coragem e garra para alcançar resultados.

    Essa Elisângela vai longe!
    Parabéns!

  2. Gilcineia Mendes Silveira disse:

    Que história linda de garra e superação, arrepiei só de ler ,nunca desistiu dos seus sonhos e objetivos evolução estou na torcida somos todos vencedores!