terça-feira, 18 de junho de 2024
Cresce a produção industrial goiana

Cresce a produção industrial goiana

O setor industrial goiano cresceu 5,6% em agosto, enquanto a média nacional ficou em 0,5%, de acordo o IBGE.

10 de outubro de 2023

A produção de alimentos puxou o crescimento da indústria goiana em agosto último, na comparação com igual mês do ano passado. O setor industrial cresceu 5,6%, enquanto a média nacional ficou em 0,5%, de acordo com os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Principal atividade no mês de agosto, a fabricação de produtos alimentícios cresceu 10,3% no mês. No ano, acumula 6,1% de alta. Outro destaque positivo em agosto foi a fabricação de produtos químicos, que avançou 27,7% em agosto. Apesar da alta no mês, o segmento ainda mantém acumulado negativo em 2023 (-3,9%).

Os produtos farmoquímicos e farmacêuticos também apresentaram significante aumento no mês, com variação em agosto de 16%, acumulando no ano alta de 8,7%.

Por outro lado, a fabricação de coque, de produtos derivados do petróleo e de biocombustíveis (-5,1%), a fabricação de veículos automotores, reboques e carrocerias (-22,3%), a produção de máquinas e equipamentos (-26,7%) e as indústrias extrativas (-5,3%) pressionam negativamente o setor industrial goiano em agosto.

No ano, o crescimento da indústria goiana é de 1,8% e no acumulado dos últimos meses é de 1,7%, enquanto na média nacional os índices são negativos em -0,3% e -0,1%, respectivamente.

Leia também: Goiás tem o 6º maior polo de cosméticos do Brasil

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.

Últimas Publicações Últimas Publicações