terça-feira, 18 de junho de 2024
Reforma tributária: OCB pede manutenção de avanços

Reforma tributária: OCB pede manutenção de avanços

Lideranças do setor lançam a Agenda Institucional do Cooperativismo 2024 e buscam agregar mais competitividade ao modelo de negócio.

18 de maio de 2024

O Sistema OCB lançou a Agenda Institucional do Cooperativismo 2024, instrumento que conecta o modelo cooperativista com os Três Poderes da República. O documento foi apresentado durante o 15º Congresso Brasileiro do Cooperativismo (CBC), realizado nesta semana em Brasília (DF).

Tem como objetivos debater temáticas que impulsionam o futuro do cooperativismo, além de definir e priorizar as diretrizes que vão nortear as estratégias do movimento nos próximos anos.

“Dentre todas as nossas pautas, estamos dando muita relevância ao assunto da regulamentação do ato cooperativo na PEC da reforma tributária, o que impacta muito a competitividade das cooperativas”, afirma o presidente do Sistema OCB/GO, Luís Alberto Pereira.

Ato cooperativo

Em resposta, o vice-presidente da República, Geraldo Alckmin, se comprometeu a “trabalhar para que o ato cooperativo seja preservado” na regulamentação da reforma.

A reforma aprovada no final do ano passado pelo Congresso representou uma conquista importante para o cooperativismo, possibilitando um regime específico de tributação.

Porém, ainda é necessária a regulamentação de mais de 70 dispositivos. Com destaque para a manutenção do adequado tratamento tributário ao ato cooperativo e o acesso ao crédito e linhas de financiamento público para cooperativas.

Saiba mais: Reforma tributária: empresários goianos em alerta

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não será publicado.

Últimas Publicações Últimas Publicações